Inscreva-se e participe das oficinas do Poética 2016

Poética2016_Capa

O projeto Poética pretende aproximar da poesia e da palavra o público interno e externo à Escola Sesc de Ensino Médio através de uma diversidade de linguagens artísticas que vão das intervenções poéticas aos recitais.

Para participar solicite a ficha de inscrição pelo e-mail espacoculturalescolasesc@gmail.com!

OFICINA DE ESCRITA CRIATIVA, COM DANIEL SANTOS
Dia 07 de julho – 14h às 17h
Dia 08 de julho – 14h às 17h
* O participante deve comparecer nos dois dias de Oficina.
Vagas: 20
A oficina de escrita criativa tem como objetivo promover a escrita ficcional e poética valendo-se de diferentes exercícios e técnicas narrativas. Produção de livros, feitos artesanalmente durante a oficina, visando a publicação dos textos da oficina de escrita criativa. Durante a atividade, os participantes realizarão diversos exercícios de escrita experimentando diferentes técnicas.

 

OFICINA COZINHA E POESIA: TABERNA DO JÚLIO
Dia 10 de julho – 10h às 17h
Vagas: 20
A programação pretender pensar a culinária e a poesia de maneira complementar, tendo como eixo o Poema Sujo, de Ferreira Gullar. As atividades terão início com uma ida a feira, quando os participantes comprarão os alimentos que posteriormente utilizarão para preparar a refeição que será harmonizada com poemas marginais. Posteriormente será executada uma leitura coletiva do Poema Sujo.

 

OFICINA DE LAMBE-LAMBE: MICRORROTEIROS DA CIDADE
Dia 09 de julho – 9h45 às 13h
Dia 10 de julho – 14h às 19h
* O participante deve comparecer nos dois dias de Oficina.
Vagas: 20
Milhões de pequenas histórias acontecem o tempo todo. Basta olhar em volta para encontrá-las. Alguém que ri de bobagem, o casal que ainda está se conhecendo, a criança que tenta correr solta pela calçada. Elas estão aí, disposição para inspirarem outras histórias, que podem inspirar outras. O projeto microrroteiros da cidade, de Laura Guimarães, tem o objetivo de convidar as pessoas à imaginarem histórias a partir da leitura de pequenas cenas que descrevem situações do cotidiano. Como roteiros para a imaginação de, no máximo, 140 caracteres. A partir desse exercício são produzidos lambe-lambes em papéis coloridos para serem colados em paredes, praças e ruas.

 

Anúncios
Esse post foi publicado em Poética. Bookmark o link permanente.