Aldeya Yacarepaguá – VII Feira da Diversidade Cultura


Captura de Tela 2015-08-20 às 11.38.39

O projeto Aldeya Yacarepaguá visa dinamizar diferentes frentes de atuação no campo da cultura, criando espaços para jovens artistas e artesões; proporcionando reflexão e qualificação de artistas locais através de intercâmbios, oficinas, mesas de debate e experiências que permitam expandir os saberes ligados ao fazer artístico, além dos modos de gestão e produção cultural.

 

Confira a programação:

Visitas mediadas à GAU – Galeria de Arte Urbana

Terças-feiras – 01, 08, 15 e 22 /09 – 16h30

Duração: 60 minutos

Classificação etária: a partir de 12 anos.

A visita mediada à GAU – Galeria de Arte Urbana é realizada por alunos da Escola Sesc que são monitores e percorre os murais de graffiti trocando informações e conhecimentos sobre a arte urbana.

A visita acontece a partir do agendamento de grupos interessados (15 a 45 componentes) pelo e-mail espacoculturalescolasesc@gmail.com

 

VIOLAS CAIPIRA: Paulo Freire e Levi Ramiro integrante do projeto Sonora Brasil.

Terça-feira – 01/09 – às 19h30

 Local: Espaço Cultural Escola Sesc

Capacidade: 150 lugares

Duração: 80 minutos

Indicação etária: Livre

 

Oficina de Cinema: Gincana do Minuto

Quarta-feira e Quinta-feira- 02 e 03/09 – das 14h às 18h

 Local: Espaço Cultural Escola Sesc

Número de vagas: 20

Público-alvo: interessados em cinema

Classificação: 14 anos.

 

Ministrante: Paulo Silva é roteirista e diretor de curtas e longas. Ele é um dos fundadores da Companhia Brasileira de Cinema Barato e fez parte também da Boca de Filmes (produtora de curtas sediada na Cidade de Deus). Ele também é criador do Cinecarceragem, cineclube que exibe filmes e curtas-metragens dentro de delegacias. No ano de 2007, seu filme de curta-metragem “Sete Minutos” foi vencedor do Festival do Rio, sendo eleito o melhor curta pelos críticos. Em 2009 o CCBB produziu seu primeiro longa-metragem, “Enchente”, em parceria com a Cavídeo Produções.

A gincana do minuto consiste em uma disputa entre duas equipes para ver quem consegue fazer um filme de 1 minuto usando um celular ou uma câmera fotográfica.

 

VIOLAS SINGULARES: Rodolfo Vidal, Sidnei Duarte e Maurício Ribeiro integrante do projeto Sonora Brasil

Quarta-feira – 02/09 às 19h30

 Local: Espaço Cultural Escola Sesc

Capacidade: 150 lugares

Duração: 80 minutos

Indicação etária: Livre

 

VIOLAS NO NORDESTE: Antônio Madureira, Ivanildo Vilanova e Cássio Nobre integrante do projeto Sonora Brasil

Quinta-feira – 03/09 às 19h30

 Local: Espaço Cultural Escola Sesc

Capacidade: 150 lugares

Duração: 80 minutos

 

VIOLAS EM CONCERTO: Fernando Deghi e Marcus Ferrer integrante do projeto Sonora Brasil

Sexta-feira – 04/09

 Local: Espaço Cultural Escola Sesc

Capacidade: 150 lugares

Duração: 80 minutos

 

Oficina Dança Afro para não dançarinos / NATA – Núcleo Afrobrasileiro de Teatro de Alagoinhas (BA) integrante do projeto Palco Giratório

Sexta-feira de 13h às 19h

Local: Espaço Cultural Escola Sesc

Público-alvo: interessados em dança

Ministrante: Fabíola Júlia / Grupo NATA
Número máximo de participantes: 20 pessoas

A oficina proporcionará o contato de não dançarinos com a dança afro, gerando auto conhecimento corporal, ativando a energia do corpo, conectando o indivíduo às suas pulsações e pulsões energéticas e tendo contato com a força ancestral presente na dança afro.

 

Curso básico de áudio

Sábados – 05, 19 e 26/09 das 14h às 18h

 Local: Espaço Cultural Escola Sesc

Carga horária: 12 horas

Vagas: 10

 

Ministrante: André Coelho é técnico de som do Espaço Cultural Escola Sesc com uma vasta experiência na área de áudio.

O curso pretende ser um estudo introdutório para as carreiras relacionadas aos profissionais do áudio, como Sonoplasta, Técnico de Som e funcionários de empresas de rádio e televisão, entendendo as técnicas e equipamentos utilizados no dia-a-dia do profissional de áudio. O curso tem como objetivo apresentar ao aluno o lado técnico relacionado ao áudio, preparando-o para entrar no mercado de trabalho, tanto em estúdios de gravação como em shows ao vivo.

 

Oficina de Artesanato Sustentável

Sábado – 19/09 de 10h às 12h30

Local: Criando Arte – Cidade de Deus

Público-alvo: interessados em artesanato e moda

Ministrante: Lea Serra é artesã da Cidade de Deus e trabalha com reutilização de garrafa de PET coordenando um grupo produtivo chamado Criando arte

Número máximo de participantes: 05 pessoas

Nessa oficina será ensinado a técnica de elaboração de acessórios com reutilização de garrafa PET (colares, pulseiras e brincos) sem perder o rigor no acabamento e no estilo.

Nesse dia uma van fará o transporte dos inscritos até o local da oficina saindo da Escola Sesc às 10h. O ponto de encontro será o estacionamento do espaço Cultural Escola Sesc.

 

Vivência Cultural: Visita ao Museu do Pontal

Sábado – 05/09 de 10h às 12h30

 Local: Museu do Pontal – Pontal

Público-alvo: interessados em artesanato

Número máximo de participantes: 05 pessoas

Museu Casa do Pontal é considerado o maior e mais significativo museu de arte popular do país. Seu acervo – resultado de quarenta anos de pesquisas e viagens por todo país do designer francês Jacques Van de Beuque – é composto por cerca de 8.000 peças de 200 artistas brasileiros, produzidas a partir do século XX. A exposição permanente do Museu reúne, em 1.500 m2 de galerias, obras representativas das variadas culturas rurais e urbanas do Brasil. Mostradas tematicamente, abrangem as atividades cotidianas, festivas, imaginárias e religiosas.

Nesse dia uma van fará o transporte dos inscritos até o local da oficina saindo da Escola Sesc às 10h. O ponto de encontro será o estacionamento do Rspaço Cultural Escola Sesc.

 

Vivência Cultural: noite africana

Sábado – 05/09

Local: Espaço Cultural Escola Sesc

Público-alvo: interessados em cultura africana

Número máximo de participantes: 200 pessoas

 

 

Espetáculo Exu, a Boca do Universo / NATA – Núcleo Afrobrasileiro de Teatro de Alagoinhas (BA) integrante do projeto Palco Giratório

18h

 Duração: 70 minutos
Classificação etária: 18 anos

‘Exu – a boca do universo’ é um espetáculo de celebração à vida. O espetáculo narra sem compromisso cronológico momentos em que Exu se mostra diferente daquilo que tanto se pregou na cultura ocidental sobre o orixá que rege a comunicação e a liberdade no candomblé. Optando por uma dramaturgia músico-poética, pela encenação onde atores que se personificam sobre as diversas concepções do orixá Exu, o humano e o divino se entrelaçam na celebração à condição de estar vivo. Exu em suas várias facetas se mostra no espetáculo como alguém que valoriza o movimento da vida, do falar ao agir, do pensar ao sentir.

 

Ficha técnica:

Direção: Fernanda Júlia / Texto: Daniel Arcades, Direção Musical: Jarbas Bittencourt / Coreografia: Zebrinha / Cenografia, Figurinos e Maquiagem: Thiago Romero / Produção: Nata e Kalik Produções / Realização: Núcleo de Teatro do Teatro Castro Alves / elenco: Antonio Marcelo Daniel Arcades, Fabíola Julia, Fernando Santana, Thiago Romero / musicista: Sanara Rocha

 

Pensamento Giratório “Exu, a Boca do Universo” com o grupo “Feinho” do Sopro de Gaia (RJ) e NATA – Núcleo Afrobrasileiro de Teatro de Alagoinhas (BA) integrante do projeto Palco Giratório

19h30

 O Pensamento Giratório é uma mesa de debate que junto ao grupo NATA será discutido como as manifestações culturais, os estudos sobre identidade e herança ancestral africana contribuíram para a construção do seu discurso estético-político. Pretende-se uma incursão sobre Candomblé, herança cultural afro brasileira, ritualidade, racismo e intolerância religiosa.

Roda de Capoeira com Sopro de Gaia (RJ)

21h 

O grupo cultural Sopro de Gaia trabalha com as manifestações culturais populares e fará uma apresentação de capoeira que convocará as pessoas a vivenciarem esse ritual popular que possibilita o desvelar de emoções construtivas como alegria, felicidade e paz interior.

 

Mesa sobre a História de Jacarepaguá na Biblioteca de Jacarepaguá

Quarta-feira – 09/09 das 13h às 16h30 

Local: Biblioteca de Jacarepaguá

Duração: 120 minutos

Quantidade: 80 pessoas

Classificação: 14 anos

A mesa será composta pelo historiador Michael Carneiro Michael Carneiro, doutorando em Memória Social (UFRJ) e primeiro presidente do Instituto Histórico da Baixada de Jacarepaguá, à convite da Escola Sesc de Ensino Médio junto com um outro historiador convidado pela Bibiloteca de Jacarepaguá.

O encontro promoverá uma fala de memória de ambos como moradores de Jacarepaguá e uma abordagem acerca dos processos históricos da região da Zona Oeste.

Assembleia com sócios do Clube de Espectadores

Quinta-feira – 10/09 das 15h às 17h 

Local: Auditório da Coordenação da Escola Sesc de Ensino Médio

Quantidade: 50 pessoas

Duração: 2h

O programa Clube de Espectadores, iniciado em 2010, que tem como objetivo fidelizar a frequência e a participação ativa dos espectadores às atividades culturais do Espaço Cultural Escola Sesc. A assembleia tem por objetivo promover aos sócios mais participativos um diálogo com os produtores do Espaço Cultural, visando ampliar a participação do público no planejamento da programação.

Vivência Cultural: Visita mediada por Jacarepaguá – Atividade exclusiva para alunos de Escola Pública

Quinta-feira – 10/09 de 13h às 16h

Local: Colônia Juliano Moreira

Quantidade: 46 pessoas

Duração: 120 minutos

Classificação: 14 anos

Mediador: Michael Carneiro é historiador, doutorando em Memória Social (UFRJ) e foi o primeiro presidente do Instituto Histórico da Baixada de Jacarepaguá.

O historiador Michael Carneiro será guia de pontos culturais do bairro de Jacarepaguá passando pelo Museu Bispo do Rosário, Aqueduto da Colônia, antiga Casa Grande, antiga Senzala e reduto histórico da antiga “Colônia dos Psicopatas”.

 

 

Pensamento Giratório O Horror e a integração de linguagens no trabalho da Vigor Mortis com a Cia Vigor Mortis (PR) – integrado ao projeto Palco Giratório

Domingo – 13/09 das 15h às 17h  

Local: Sede da Revista Questão de Crítica – Lapa (Rua da Lapa, nº 243)

Quantidade: 15 pessoas

Duração: 120 minutos

Classificação: 16 anos

 

O Pensamento Giratório é uma mesa de debate que junto a Cia Vigor Mortis e o grupo de Críticos da Revista Eletrônica Questão de Crítica (RJ) será discutido a base estética da companhia Vigor Mortis, apresentando um histórico estético do Theatre du Grand Guignol, o célebre teatro de horror de Paris. Na abordagem proposta serão expostas as estruturas dramatúrgicas para os trabalhos da companhia desde a sua primeira montagem em 1997. Em complemento, a integração de mídias como instrumento de linguagem nas narrativas de horror da companhia deve ser igualmente abordado. As novas leituras do conceito de gesamtkunstwek e as linhas crepusculares entre formas de expressão.

A Questão de Crítica – Revista eletrônica de críticas e estudos teatrais – foi lançada no Rio de Janeiro em março de 2008 como um espaço de reflexão sobre as artes cênicas que tem por objetivo colocar em prática o exercício da crítica. Atualmente com quatro edições por ano, a Questão de Crítica se apresenta como um mecanismo de fomento à discussão teórica sobre teatro e como um lugar de intercâmbio entre artistas e espectadores, proporcionando uma convivência de ideias num espaço de livre acesso.

Nesse dia uma van fará o transporte dos inscritos até a Lapa saindo da Escola Sesc às 13h30. O ponto de encontro será o estacionamento do Espaço Cultural Escola Sesc.

Festa 10 anos do Cultura na Cesta

Domingo- 13/09 das 9h30 às 17h30

Local: Casa Ser Cidadão (antiga Casa do Senador Julio Cesário de Melo) – Rua Fernanda, nº 140 – Santa Cruz, Rio de Janeiro.

Duração: 8h

Classificação: Livre

Cultura na Cesta é um projeto social fruto de uma organização não governamental. Criado em agosto de 2005, une o basquete com educação e cultura, atendendo aproximadamente 70 crianças de 07 a 16 anos por semana no Cesarão e em Seropédica. Desde 2009, o projeto incluiu o Ponto da Palavra, que ajuda alunos com leituras e poesias.

A festa de 10 anos do Cultura na Cesta terá um torneio 3×3 para todos as crianças e depois um jogo de Poetas x Crianças. Além de uma clínica com jogadores de Basquete Freestyle. Em seguida serão realizadas as ações culturais, roda de rima, sarau de poesias , shows de bandas, cerimonial e um bolo para cantarmos o aniversário do Cultura na Cesta. Não percam!

Nesse dia uma van fará o transporte dos inscritos até o evento saindo da Escola Sesc às 8h30. O ponto de encontro será o estacionamento do Espaço Cultural Escola Sesc.

 

Oficina Corpo Emaranhado com o Núcleo Atmosfera – NUA (MA)- integrante do projeto Palco Giratório

Segunda-feira – 14/09 de 10h30 às 17h30

Local: Espaço Cultural Escola Sesc

Público Alvo: Artistas em geral
Número de participantes: 20 pessoas
Ministrantes: Leônidas Portella, Marina Corrêa e Roxa Belfort

A oficina propõe aos participantes a experimentação de matrizes de danças populares maranhenses, que servirão como base para a desconstrução e construção de obras híbridas a serem apresentadas em diferentes formatos e lugares como resultado final das atividades.

 

Divino / Núcleo Atmosfera – NUA (MA) integrante da projeto Palco Giratório

Terça-feira – 15/09 às 19h30

Local: Pilotis da Escola Sesc (200 lugares)

Duração: 50 minutos

Classificação etária: livre

Um corpo que se constrói culturalmente e busca – através da arte – explorar a identidade de um povo, suas urgências e suas manifestações culturais mais marcantes para dimensionar o registro historiográfico que relaciona o patrimônio cultural (material e imaterial) com o panorama atual desse patrimônio. “Divino” desencadeia um processo híbrido e incorpora “cultura popular maranhense” a um baú de linguagens artísticas, gerando uma proposta contemporânea, na qual sua motivação central está no discurso que um corpo propõe sobre a preservação de uma história.

Ficha técnica:

Concepção, direção e pesquisa: Leônidas Portella / Atuação: Leônidas Portella, Roxa Belfort (Mestra Roxa), Maria da Graça (Dona Gracinha) e Marina Corrêa / Iluminação e contrarregra: Paulo Socha / Vídeos: Leônidas Portella e Diones Caldas / Foto e edição de vídeo: Paulo Socha / Objetos de Cena e Figurino: João Almeida Costuras: Diva Dias

 

Os charlatões mais sinceros do mundo com a Cia Dois banquinhos (RJ) – Atividade exclusiva para alunos de escola pública – Conexão com o projeto Escola Bairro Criativo

Terça-feira – 15/09 às 13h

Local: Escola Pública da Zona Oeste (a definir)

Duração: 60 minutos

Classificação etária: livre

 

A Cia 2 Banquinhos é uma companhia de teatro, circo e rua da Zona Oeste que investiga de forma sensível o jogo cênico cômico, tendo como ferramenta o charlatanismo para transformação da simplicidade em grandes acontecimentos.

Os charlatões mais sinceros do mundo é um palhaço e um(a) mímico(a), cansados de serem enganados que resolvem utilizar das artimanhas dos charlatões para levar o seu público para uma sincera gargalhada. Quando se encontram, tudo pode acontecer! Os palhaços montam seu circo, desafiam as leis da natureza, quebram todos os recordes estipulados e expectativas criadas!

FICHA TÉCNICA: Criação e Interpretação/ André Pateta, Vinicius Longo e Fernanda Rocha, Texto/ Vinicius Longo, Direção Artística, Musical, Roteiro,Trilha Sonora e Figurinos/ Cia. 2 Banquinhos, Direção de Produção/Vinil 69 Produções, Fotografia Vinil 69 Produções

 

Oficina de produção em dramaturgia teatral com a Cia. Cortejo (RJ)- integrante do Projeto Palco Giratório

Quarta-feira – 16/09 das 10h30 às 17h30

Local: Espaço Cultural Escola Sesc

Número de participantes: 20 pessoas

Ministrante: Rodrigo Portella é dramaturgo e diretor da Cia O Cortejo
A proposta é desenvolver exercícios práticos de produção de texto dramático impulsionados por experiências cênicas em espaços não-convencionais. O objetivo é identificar a dramaturgia como um sistema de comunicação para além do texto teatral; conhecer ferramentas que ajudam na criação e organização do enredo, personagens e ações; exercitar princípios da manipulação do tempo e do espaço; pensar a cena teatral para além dos espaços convencionais e apresentar o conceito de hiperdrama, hipertexto e hipermidia.

 

Hominus Brasilis com a Cia de Teatro Manual (RJ)

Quinta-feira – 17/09 às 19h30

 Local: Espaço Cultural Escola Sesc

Duração: 60 minutos

Classificação etária: livre

Capacidade: 80 pessoas

 

Desde o Big Bang até o Brasil dos dias de hoje, a peça pincela grandes momentos da humanidade e convida o espectador a se emocionar com o surgimento do universo, o nascimento da vida, a extinção dos dinossauros, o surgimento das grandes civilizações, a expansão marítima da Europa, as grandes guerras, o desenvolvimento tecnológico através dos séculos e, principalmente, eventos que marcaram a história brasileira, como a chegada dos portugueses, a abolição da escravidão, o desenvolvimento urbano brasileiro e os tempos de ditadura militar.

Ficha Técnica: Idealização/Matheus Lima e Helena Marques, Dramaturgia, Concepção e Direção/ Cia de Teatro Manual, Supervisão de Cena / Julio Adrião, Elenco: Dio Cavalcanti, Helena Marques, Matheus Lima, Patrícia Ubeda, Iluminação/ Gustavo Weber, Figurino/ Camila Nhary, Operação de Luz/ Julia Faria, Produção Executiva/ Bernardo Schlegel e Juliana Trimer

 

Oficina de Dança Contemporânea – Artes Visuais: poéticas em aproximação com Cláudia Müller – integrante da projeto Palco Giratório

Sexta-feira, 18/09 das 10h30 às 17h30

Público-alvo: estudantes e artistas de dança, teatro e artes visuais
Número de participantes: 20 pessoas

Ministrante: Cláudia Müller é bailarina e coreógrafa

A oficina será teórico-prática abordando as relações entre a dança contemporânea e as artes visuais. A arte conceitual, a arte relacional e a crítica institucional serão abordadas através de alguns artistas pela influência de suas propostas na dança contemporânea, especialmente nas últimas duas décadas.

 

Antes da Chuva / Cia Cortejo (RJ) – integrante do projeto Palco Giratório

Sexta-feira, 18/09 às 19h30

 Local: Espaço Cultural Escola Sesc

Duração: 60 minutos
Classificação etária: 14 anos
Capacidade: 80 lugares

 

Aramís encontra Ana numa casa abandonada, onde ela mora com a avó. O menino, na ocasião com 11 anos, é chantageado pela moça para que deixe que ela o veja nu e depois leia pra ela em voz alta. Inspirada pelas histórias de espionagem lidas pelo garoto, Ana planeja uma fuga no navio do Papa que passará em breve pelo povoado.

Ficha técnica: Elenco: Bruna Portella (Ana), Luan Vieira (Aramís) / Texto, direção e iluminação: Rodrigo Portella / co-direção: Léo Marvet / figurinos: Bruno Perlatto / trilha sonora: Felipe Chernicharo / preparação vocal: Jane Celeste Guberfain / produção: Trilhos Produções Artísticas / produção executiva: Larissa Gonçalves / realização: Cia. Cortejo

 

Dança Contemporânea em Domicílio com Cláudia Müller – integrante da programação do Palco Giratório

Sábado, 19/09 das 13h às 19h

 Duração: 10 min / intervenção
Classificação etária: livre
Local: Gardênia Azul/Jardim Anil
Dança Contemporânea em Domicílio propõe entregar dança contemporânea em locais onde ela não é esperada, buscando espaços despercebidos, brechas no cotidiano.

Uma dança que se importa menos com movimentos concretos e mais com os espaços imaginários abertos no encontro com o espectador – consumidor: qual o lugar deste ofício, como é percebido, quais seus recursos, qual seu alcance, como é remunerado?

 

Qualquer pessoa pode solicitar gratuitamente Dança Contemporânea em Domicílio em qualquer lugar que queira recebê-la (em sua casa, escritório, loja, mercado, em uma praça, no restaurante que frequenta etc.).

Para isso será necessário o agendamento prévio ligando para o Espaço Cultural Escola Sesc (tel. 3214-7404)

 

Ficha técnica: Concepção, criação e performance: Cláudia Müller / Colaboração dramatúrgica: Micheline Torres / Programação visual: Theo Dubeux

 

B-boy Confronto

Sábado, 19/09 das 16h às 19h30

 Local: Espaço Cultural Escola Sesc

Quantidade: 600

Duração: 4 horas

Classificação: Livre

Oito equipes de bboys e bgrils participarão de batalhas de break e tentarão convencer os jurados através da sua dança e musicalidade. Haverá distribuição de prêmios às equipes vencedoras. Equipes de vários Estados irão participar da competição, que contará com a participação de expoentes da cena Hip Hop internacional como o DJ Fleg, dos EUA, o venezuelano Bboy Lil G, vencedor de vários campeonatos internacionais, e o norte americano Bboy Twixx, dançarino do cantor Jason Derulo, serão julgadores do Bboy Confronto 2015.

Ficha Técnica: Produção Equipe IQFENIX

 

As senhas serão distribuídas 2 horas antes do evento na bilheteria do Espaço Cultural Escola Sesc.

 

Intercâmbio entre a Cia de Teatro Manual (RJ) e a Cia. Cortejo integrante do projeto Palco Giratório

Sábado – 19/09 das 13h às 19h

O Intercâmbio é uma troca de experiências que será realizada pelos grupos com o intuito de gerar novas possibilidades de trabalho e integração entre eles. O encontro é uma oportunidade de aproximar grupos que tenham afinidades estéticas e criar uma espaço de relacionamento e conversas.

 

Feira da Diversidade Cultural

Domingo – 20/09 de 10h às 15h

Local: Teatro

Quantidade: 600

Duração: 5 horas
Classificação: Livre

 

Um dia dedicado à convivência em comunidade através da gastronomia, encontro de colecionadores de carros, produtos gastronômicos, show musical, concurso gastronômico e lançamento de livro de receitas.

 

Participe do IV Concurso de Gastronomia Popular Comunitária! Veja o edital nesta Revista ou no nosso blog.

As senhas serão distribuídas 2 horas antes do evento na bilheteria do Espaço Cultural Escola Sesc.

 Oceanos – Cia. Jovem Dançar a Vida

Segunda – feira 21/09 às 19h30

 Local: Teatro

Capacidade: 600

Duração: 50 min

Classificação: Livre

 

“Oceanos” é o novo espetáculo da Cia. Jovem Dançar a Vida, onde as questões ambientais serão retratadas através da dança, mostrando a vida dos animais aquáticos, que durante milhões de anos se propagou livre pelo planeta, até que o traço da inteligência humana surge, sujando as costas e as profundezas. A indifença do homem, cúmplice de extinção de diversas espécies.

 

Ficha Técnica:

Direção Artística:  Nelma Darzi / Assistente de Direção: Guilherme Darzi / Coreógrafa: Marisa Martín /Bailarinos: Alexandre Barbosa, Alyson Venâncio, Carla Assis, Gabriel Diniz, Gabriela Mattos, Hiago Castro, Juliana Paiva, Kaique Barboza, Mayanie Magri, Raissa Bastos, Suellen Rodrigues, Wesley Tavares, William Lima e Yitzhack Davi /Coordenador de Produção – Rubens Kurin / Produção Executiva – João Da Hora / Coordenação administrativa – Oscar Francisco Barbosa / Técnica de Interpretação – Carol Costa e Beatriz Padilha / Preparação Corporal – Marisa Martin e Ivan Ustyuzaninov / Roteiro: Nelma Darzi / Design de Luz – Gil Santos / Contrarregras – Emerson Edis e Patrício Santos / Técnico de Som – Felipe Natal / Edição da Trilha Sonora: Marcelo Rain / Trilha sonora – Kurt Weill e Brahms / Música final – Rubens Kurin /Programação Visual – Renata Darzi / Figurino e Cenografia – Luciana Buarque

/ Cenógrafa Assistente – Gabi Windmuller / Figurinista Assistente – Rafaela Rocha / Adereços de Figurino- Rafaela Rocha E Luiza Kemp / Cenotécnica: Ts18 Produções Artísticas

Cenotécnico/ Aderecista: Adriano Farias

 

O Barbeiro de Ervilha com direção de Daniel Herz (RJ)

Terça-feira e quarta-feira – 22/09 e 23/09 às 15h 

Local: Espaço Cultural Escola Sesc

Capacidade: 600 lugares

Duração: 60 min.

Classificação etária: a partir dos 08 anos

A partir da ópera “O barbeiro de Sevilha” de Gioacchino Rossini com libreto de Cesare Sterbini. A história apresenta uma trupe mambembe de comediantes que encena, na pequena vila fictícia nordestina de Ervilha do Norte, as artimanhas e astúcias de um tipo bem brasileiro, apesar de francês e italiano de origem e da naturalidade espanhola. Assim como na ópera cômica original, Fígaro, o barbeiro de Ervilha, é um faz tudo da cidade, fugindo aos padrões dos barbeiros do nosso século.

FICHA TÉCNICA

Concepção artística do projeto e adaptação teatral: Vanessa Dantas/Direção: Daniel Herz/Elenco: Leandro Castilho, Glaucio Gomes, Flávio Pardal, Vanessa Dantas, Marcio Fonseca, Leonardo Bastos, Julia Gorman, Francisco Salgado, Alice Caymmi/Adaptação e direção musical: Leandro Castilho, Coreografia: Marcia Rubin/ Figurinos e adereços: Heloisa Frederico/Cenografia: Glauco Bernardi/Preparação vocal: Zé Rescala/Fotografia: Renato Mangolin/Direção de produção, administração financeira, coordenação do projeto Verônica Prates/ Realização : Marcatto Produções Artísticas e Quintal Produções Artísticas Ltda

Céu e poesia

Quinta-feira – 24/09 às 21h 

Local: Solarium do Espaço Cultural Escola Sesc

Vagas: 20 pessoas

O encontro tem um caráter lúdico, trazendo como proposta a realização de um sarau de poesia com artistas de Jacarepaguá e a observação noturna do céu, mediada pelo professor da Escola Sesc, Marcelo Goulart.

 Encontro do Polo de Economia Criativa da Zona Oeste 

Quinta-feira – 24/09 às 16h 

Local: Espaço Cultural Escola Sesc

Capacidade: 600 lugares

Duração: 4h

Encontro de gestores, produtores e artistas da Zona Oeste, roda de conversa entre os participantes e apresentações artísticas.

 

Lançamento do DVD Laboratório Filosófico

Sexta-feira – 25/09 às 16h30

Local: Auditório da Escola Sesc de Ensino Médio

Capacidade: 80

Mediação: Dr. Mateus Xavier é professor da Escola Sesc de Ensino Médio

Mesa de debate sobre experiências metodológicas de ensino de filosofia na escola e lançamento do DVD Laboratório Filosófico, produzido a partir do ciclo de debates temáticos sobre filosofia realizado na Escola Sesc de Ensino Médio em 2013.

 

Intercâmbio entre os integrantes do Laboratório de Danças Brasileiras do projeto Uzina e os mestres Galo Preto e Cila do Coco

Sexta-feira – 25/09 – de 16h20 às 18h40

 O Intercâmbio é uma troca de experiências que será realizada com o intuito de gerar novas possibilidades de trabalho e integração entre os participantes. O encontro é uma oportunidade de aproximar grupos que tenham afinidades estéticas e criar uma espaço de relacionamento e conversas com os mestres.

 

Coco de Roda com os mestres Galo Preto e Cila do Coco (PE)

Sexta-feira-  25/09 às 19h30

 Local: Anfiteatro da Escola Sesc de Ensino Médio

Capacidade: 200 pessoas

Duração: 80 min.

Classificação etária: livre

O Coco de Roda é uma expressão popular muito presente no nordeste brasileiro, especialmente nos estados de Pernambuco, Alagoas, Paraíba e Rio Grande do Norte. O Coco inspirou diversos ritmos atuais entre eles o mundialmente conhecido forró.Nesta ocasião receberemos os dois mestres do Coco, Galo Preto e Dona Cila do Coco.

Galo Preto tem 82 anos e foi reconhecido pelo IPHAN como patrimônio vivo da cultura brasileira. Ele é repentista, coquista e embolador reconhecido pelo seu talento de improvisar músicas com rimas complexas.

Dona Cila do Coco tem 76 anos com energia de sobra para animar o salão com suas belas e divertidas composições. Dona Cila canta diversos gêneros musicais e já gravou com muitos artistas renomados tais como Alceu Valença, Naná Vasconcelos e Chico Science, para quem fez uma música.

 

Oficina de Customização com Maria do Amparo

Sábado – 26/09 das 10h30 às 12h30

 Local: Gardênia Azul

Número de vagas: 05.

Público-alvo: pessoas com aptidão para costura e moda.

Classificação: 16 anos.

Ministrante: Maria do Amparo é costureira local e possui o ateliê Marystilo na Gardênia Azul.

 

A oficina será uma visita ao seu ateliê, onde serão demonstradas técnicas básicas para customização de roupas.

 

Contação de História com Mônica Rocha

Sábado – 26/09 das 10h30 às 12h30

Local: Espaço Cultural Escola Sesc

Capacidade: 20pessoas

Duração: 120 min.

Classificação etária: livre

 

A Contação de Histórias, além de excelente meio para o estímulo da leitura, resgata a tradição da difusão de saberes por meio da experiência lúdica da narrativa realizada por meio da expressão oral. O objetivo dessa atividade é resgatar a memória de Jacarepaguá de maneira lúdica.

Monica Rocha é bonequeira e contadora de histórias, além de moradora da Cidade de Deus e militante do desenvolvimento sócio-cultural da região de Jacarepaguá.

 

Overdoze

Sábado – 26/09 das 12h às 24h

Local: Escola Sesc de Ensino Médio

Capacidade: 600 pessoas

Duração: 12 horas

Classificação etária: livre

A metodologia é simples: serão 12 horas de programação ininterruptas desenvolvida em diversos espaços, simultaneamente ou não.

Serão diversas atividades: confecção de turbantes, parangolé, berimbau, anayomi, tatuagem de henna, pinturas no corpo, corte estilizado, tererê, estátua viva, dança do passinho, cortejos, projeto Bandas, teatro, show de música, intervenções, esporte criativa, DJ, projeções e cinema. Tudo em 12h de programação!

 

Destaques:

Mostra Julio Pecly

das 14h às 16h

Local: Teatro do Espaço Cultural Escola Sesc

Quantidade: 600 pessoas

Duração: 120 min

Classificação: 14 anos

 

Julio Pecly foi cineasta carioca nascido na Cidade de Deus que nos deixou no começo de 2015. Esta mostra é uma homenagem à sua perseverança ao fazer cinema com todas as adversidades por ser negro, pobre, morador de favela e cadeirante. Pecly escreveu inúmeros roteiros, dirigiu cerca de 12 curtas e um longa, deixando uma obra inacabado lançada no Festival Visões Periféricas ainda este ano no Rio de Janeiro. Sua vida é sua obra, e a Mostra Julio Pecly celebra o trabalho e a vida deste grande cineasta, e sua luta contra a descriminação.

Nessa mostra será exibido o seus longa “Enchente”. Em seguida será realizado uma conversa com o seu parceiro de vida e obra Paulo Silva, também roteirista e diretor de curtas e longas que trabalhou anos ao lado de Julio Pecly.

 

Show do Projeto Bandas

17h

Local: Espaço Garagem

O Projeto Bandas da Escola Sesc de Ensino Médio é por composto por alunos e tem como objetivo desenvolver o trabalho em equipe, promover o aprimoramento musical e estimular o protagonismo juvenil.

 

Para se inscrever nas oficinas, envie um email para: espacoculturalescolasesc@gmail.com

 

Vamos oferecer carona para as atividades!

Nesta edição, estaremos oferecendo transporte para o público da zona central e sul da cidade aproveitar a nossa programação.
Cada van possui apenas 15 lugares, portanto é necessária a inscrição prévia, constando o seu nome, data, local e horário da carona desejada pelos e-mails espacoculturalescolasesc@gmail.com e nmascitelli@live.com

Trajetos:

Local: sempre na Praça São Salvador em frente ao Corpo de Bombeiros

05/09 às 16h30 – Carona para o espetáculo “Exu, a Boca do Universo” + Pensamento Giratório com o grupo NATA – Núcleo Afrobrasileiro de Teatro de Alagoinhas (BA) + Roda de Coco com Sopro de Gaia
Retorno: 21h

15/09 às 17h30 – Carona para o espetáculo “Divino”/ Núcleo Atmosfera – NUA (MA)
Retorno: 21h

17/09 às 17h30 – Carona para o espetáculo “Hominus Brasilis” / Cia. de Teatro Manual (RJ)
Retorno: 21h

18/09 às 17h30 – Carona para o espetáculo “Antes da Chuva” / Cia. Cortejo (RJ)
Retorno: 21h

21/09 às 17h30 – Carona para o espetáculo de dança “Oceanos” / Dançar a Vida (RJ)
Retorno: 21h

26/09 às 17h30 – Carona para o “Overdoze” (consultar programação no site)
Retorno: 21h

Contato responsável pela carona: (21) 97453-8383 / 3214-7404 (Nathália)

 

Anúncios