Teatro na Contramão – 4ª edição

TEATRO NA CONTRAMÃO é uma mostra da cena do menos, fora dos padrões mercadológicos e dos poderes do gosto constituído. Reunindo grupos, companhias e atores premiados, diretores emergentes, cenas instigantes e ilustres desconhecidos, do Rio de Janeiro, do Rio Grande do Sul, de Mato Grosso, e de São Paulo. Todos realizando encenações que respeitam a inteligência do público. Uma programação rigorosamente selecionada para compor um painel da diversidade cênica. Com isso, pretendemos continuar a política de fruição e formação dos espectadores contemporâneos.

Em 2012, para a quarta edição do Teatro na Contramão, já estão confirmadas as participações dos grupos integrantes do projeto Palco Giratório Teatro Torto (RS) e Cia Teatro Mosaico (MT); além da estreia da Cia. do Latão (SP), comemorando os 15 anos de grupo. O projeto Teatro na Contramão 2012 acontecerá no período de 06 a 17 de agosto.

Endereço:

Avenida Ayrton Senna, nº 5677 – Jacarepaguá – RJ

Tel.: (21) 3214-7404 (das 10h às 18h)

Programação gratuita

Duração média de cada espetáculo: 1h

Classificação etária média de cada espetáculo: 14 anos

Programação

06 a 17/08 – 16h – Oficina de Crítica Teatral (Dinah Cesare / RJ)

06/08 – 18h30 – Dia Desmanchado (Teatro Torto/RS) – Integrante do Projeto Palco Giratório 2012 + Oficina com a Cia do Latão das 10h30 às 17h30

07/08 18h30 – Patrão Cordial (Cia do Latão/SP)

08/08 – 18h30 – Farnese de Saudade (Direção Celina Sodré / RJ)

09/08 18h30 – Ato de Comunhão (Direção Gilberto Gawronski/ RJ)

10/08 18h30 – Ô Lili  (Cia Marginal / RJ)

13/08 – 18h30 – Cachorro Morto (Cia Hiato/RJ) + Oficina com a Cia Teatro Mosaico (MT) das 10h30 às 17h30

14/08 – 18h30 – Anjo Negro (Cia Teatro Mosaico/MT) – Integrante do Projeto Palco Giratório 2012

15/08 – 18h30 – Os Mamutes (Direção Inez Viana/ RJ)

16/08 – 18h30 – O Filho Eterno (Cia Atores de Laura/RJ)

17/08 – 18h30 – As canções que você dançou pra mim(Focus Cia de Dança/RJ)


Sinopses

06/08 – 18h30 – Dia Desmanchado (Teatro Torto/RS) – Integrante do Projeto Palco Giratório 2012.

Um homem, exterminador de insetos, vive em sua casa, mergulhado na banalidade do seu cotidiano, quando é surpreendido com a chegada da carta de uma mulher. A carta põe o homem em alerta, obrigando-o a ensaiar o esperado encontro, na tentativa de que nada fuja do seu controle. O encontro deve ser bem sucedido, pois não é sempre que o amor bate à sua porta. Nessa realidade de espera e angústia, onde o ensaio para o encontro é uma corrida contra um dia que avança sem piedade, o homem se vê magicamente contraído por outros aspectos do tempo. O dia do homem assim se desmancha em tempos impossíveis e contraditórios, onde não se sabe ao certo o que é passado, presente ou futuro.

Duração: 55 min | Classificação: Livre | Gênero: Teatro Gestual

 

 

 07/08 18h30 – Patrão Cordial (Cia do Latão/SP)

Necessária inscrição prévia através do e-mail assessoriadeculturaesem@gmail.com

Patrão Cordial é uma comédia popular sobre o tema da cordialidade. O texto inédito, escrito em pro­cesso colaborativo pela Companhia do Latão, apresenta um proprietário de terra que tem dificuldades em manter seu negócio devido a seu grande senti­mentalismo. Inspirado em textos de Sérgio Buarque de Holanda e Brecht, Patrão Cordial discute formas contemporâneas da relação de trabalho no campo no Brasil, tendo em vista as contradições entre a economia agrária de exportação e a herança da cultura patriarcal. O experimento combina temas de ficção e textos teóricos através de um jogo irônico com o público.

Duração: 110min | Classificação: 14 anos | Gênero: Comédia | Capacidade: 150

 

 08/08 – 18h30 – Farnese da Saudade (Direção Celina Sodré/RJ)

Necessária inscrição prévia através do e-mail assessoriadeculturaesem@gmail.com

É um espetáculo/ instalação sobre o artista plástico Farnese de Andrade e sua obra de caráter autobiográfico. Livremente inspirado em fragmentos de entrevistas, depoimentos e manuscritos, a dramaturgia coletiva segue a característica das montagens de Farnese, que reunia elementos diversos na composição de uma unidade, partindo de objetos desgastados pela ação do tempo e cobertos de afeto.

Duração: 45 min | Classificação: 16 anos | Gênero: Espetáculo / Instalação | Capacidade: 100

09/08 – 18h30 – Ato de Comunhão (Direção Gilberto Gawronski / RJ)

Necessária inscrição prévia através do e-mail assessoriadeculturaesem@gmail.com

Diante de uma platéia, um homem relembra três momentos de sua vida: a festa de aniversário de seus oito anos, a morte de sua mãe e um jantar bastante peculiar com um homem que conhecera pela internet. Livremente baseada num fato real que ficou conhecido na mídia como o do “canibal alemão”, a peça do argentino Lautaro Vilo coloca em cena, com elaborada delicadeza, algumas complexidades perturbadoras da vida contemporânea. Tecnologia, conexão, solidão, instinto, civilização, o moderno e o arcaico permeiam esta história demasiado humana.

Duração: 60 min | Classificação: 18 anos | Gênero: Teatro Contemporâneo | Capacidade: 100

 

 

10/08 – 18h30 – Ô Lili (Cia Marginal/RJ)

Necessária inscrição prévia através do e-mail assessoriadeculturaesem@gmail.com

O espetáculo teve como ponto de partida uma série de conversas com pessoas privadas de liberdade, presas em penitenciárias do município do Rio de Janeiro. O regime fechado é, em “Ô, LILI”, a chave para se explorar criticamente a realidade dos espaços populares da cidade, submetidos hoje a uma série de restrições: fronteiras do tráfico, muros, controle armado da polícia entre outros. A abordagem é feita do ponto de vista de quem está do lado de dentro das grades e muros, daqueles comumente vistos como uma massa homogênea, traduzida por noções como as de criminosos, pobres, marginais. Mas quem são essas pessoas? Que soluções elas vem construindo, diariamente, para criar sua liberdade?

Duração: 90min | Classificação: 16 anos | Gênero: Teatro adulto | Capacidade: 100

 

 

13/08 – 18h30 – Cachorro Morto (Cia Hiato/RJ)

Necessária inscrição prévia através do e-mail assessoriadeculturaesem@gmail.com

A peça aborda perspectivas e velhas certezas sendo destruídas à medida que mergulhamos no pensamento de um jovem portador da Síndrome de Asperger, uma forma de autismo. Ao multiplicar o protagonista pelos corpos dos cinco atores, a cena cria uma narrativa que envolve a platéia ao convidá-la a conhecer um universo singular. Mais do que entender o transtorno psiquiátrico, o espetáculo quer aproximar os espectadores de um mundo visto por um olhar e lógicas diferentes e outras relações afetivas.

Duração: 60 min | Classificação: livre | Gênero: Drama | Capacidade: 100

 

 

 14/08 – 18h30 – Anjo Negro (Cia Teatro Mosaico/MT) – Integrante do Projeto Palco Giratório 2012

Ismael é um homem rico, poderoso e de pele negra, que possui violentamente Virgínia, uma mulher linda e de pele branca, mas que é com ele casada a força. A trama da peça é sustentada pelo embate travado entre Virginia e Ismael, pois ela está sempre grávida contra a sua vontade, e por isso, ela vinga-se desta condição, assassinando cada filho negro que nasce do seu ventre. Mas Virgínia conhece Elias, um homem branco, cuja paixão à primeira vista impulsiona nela o desejo e coragem para se tornar livre.

Duração: 100 min | Classificação: 14 anos | Gênero: Tragédia

 

15/08 – 18h30 – Os Mamutes (Direção Inez Viana/ RJ)

Necessária inscrição prévia através do e-mail assessoriadeculturaesem@gmail.com

O espetáculo traça um paralelo com o espelho de Alice e fala da deformidade do ser humano diante de uma sociedade repressora e deficiente; do consumismo exacerbado; da alienação violenta de uma geração sem perspectiva e da precocidade infantil.

Com um humor ácido, ele é narrado por Isadora (Débora Lamm), uma garota perversa e extremamente inteligente que, trancada em seu quarto, inventa uma história – a história de Leon (Diogo Camargos): um rapaz ingênuo, honesto, que vive com a avó doente e precisa conseguir um emprego. Ele encontra uma vaga numa multinacional de fast food – a Mamute´s Food – conhecida por fabricar hambúrgueres de carne humana. Porém, para conseguir o emprego, Leon precisa abater um “Mamute”, ou seja, matar uma pessoa sem caráter, sem princípios morais, que não fará falta para ninguém. Eis o dilema: desistirá ele do emprego por questões morais ou se tornará um caçador implacável? Com muita ironia, a peça surpreende ao passar pelos variados questionamentos e dúvidas relativos ao humano.

Duração: 90 min | Classificação: 14 anos | Gênero: Comédia | Capacidade: 100

16/08 – 18h30 – O Filho Eterno (Cia Atores de Laura/RJ)

“O Filho Eterno”, que já encantou a muitos na forma literária, de Cristovão Tezza, e faturou cerca de oito prêmios literários nacionais e internacionais, ganha adaptação teatral de Bruno Lara Resende e traz à tona emoções inesperadas na versão teatral, proposta pela Cia Atores de Laura. “O Filho Eterno” mostra a luta diária de um homem, vivido por Charles Fricks, sob a direção de Daniel Herz, que precisa lidar com as decepções que um filho pode trazer, focando no desafio de nossas limitações, sem perder o olhar elegante. Frases de impacto e inesperadas dão o tom poético dessa trama, em que vem a tona muitas questões que pensamos, mas que jamais teríamos coragem de dizer em voz alta. A chegada do primeiro filho com síndrome de Down é apenas uma das diversas reflexões que envolvem a paternidade e são abordadas nessa já premiada história.

Duração: 80min | Classificação: 12 anos | Gênero: Drama

                               

 

17/08 – 18h30 – As canções que você dançou pra mim (Focus Cia de Dança/RJ)

O trabalho revisita seus grandes sucessos como: Detalhes, Outra vez, Desabafo, Cama e mesa, O calhambeque, entre outros eternos clássicos, que compõem essa trilha que passa pelas décadas de 60 a 90, onde Roberto pôde alcançar várias gerações com canções que misturam e exaltam sentimentos, falam de amor e relações, exageram na musicalidade e abusam do bom humor, trazendo pra cena todo o romantismo proveniente de suas canções, além das mensagens que marcam tantas histórias. As intenções nas palavras e a popularidade de Roberto com suas poesias em formas musicais são de direta conexão com o público. É muito raro encontrar alguém que não se identifique ou não conheça alguma de suas obras.

“As canções que você dançou pra mim” é um espetáculo para todas as idades, para qualquer pessoa, em qualquer tempo, onde a dança e a música aparecem num casamento perfeito e só nos resta sentarmos, assistirmos, ouvirmos e vivermos mais “tantas emoções”.

“As canções que você dançou pra mim” foi eleito pelo Jornal O Globo, como um dos 10 melhores espetáculos de 2011.

Duração: 55min | Classificação: livre | Gênero: dança contemporânea

 

Anúncios
Esse post foi publicado em Teatro na Contramão, Teatro na Contramão 2012 e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Teatro na Contramão – 4ª edição

  1. Hyldalice Marques disse:

    Como é feita essa inscrição para assistir os espetáculos? Quais informações devem conter no e-mail?

Os comentários estão encerrados.